22 janeiro 2007

Iain Covenant, o Cavaleiro Negro

Referências: Spawn: The Dark Ages 1-28 (EUA), Spawn: O Livro dos Mortos (Brasil)

ATENÇÃO: como Spawn: The Dark Ages é um possível título a ser publicado no Brasil, abaixo será contado um resumo das 28 edições publicadas da saga do Spawn da Era das Trevas. Se não quiser encontrar surpresas pule para o próximo tópico.

A Idade Média. 
Mais 400 anos se passaram, e o Inferno procurava outro peão entre os pobres e os maltrapilhos do mundo. A busca não durou muito, e nem foi difícil, pois os olhos do inferno encontraram um candidato aceitável no ano 901 a.C. numa terra próxima à fronteira do País de Gales, na Grã Bretanha. Um homem, o senhor da floresta de Rhyll, era tudo o que Malebólgia procurava: um homem de coração nobre, mas culpado.
Um homem cuja virtude estava conspurcada pelo pecado. Um homem justo, cujas mãos estavam encharcadas com a sangue das guerras em que ele havia lutado.
Seu nome era Lorde Iain Covenant, mas ele viria a ser conhecido como O Cavaleiro Negro.
De coração, Covenant era um homem bom e cheio de fé, mas ele tinha fraquezas. Deixou-se envolver num caso amoroso ilícito com uma das damas da companhia de sua irmã, uma mulher linda e inocente chamada Shiann. Sentindo-se culpado, e atormentado por causa de seu caso ilícito, Covenant procurou absolvição aos olhos de Deus. Precisava descobrir uma missão, um feito que mostrasse a Deus que era um homem de virtude e honra. Uma missão que lhe garantisse a absolvição que ele ansiava com toda força de sua alma, a absolvição do pecado.
Covenant, um cavaleiro poderoso, juntou-se à Cruzada do Papa e deixou seu país, na esperança de regressar mais tarde com o perdão que procurava. As Cruzadas levaram-no a terras estrangeiras, nas quais Covenant lutou contra os infiéis guerreiros de Saladino para libertar a Terra Santa do jugo do Diabo. O cavaleiro cheio de fé sentia que com cada golpe de sua lança ajudava a limpar um pouco mais seus pecados. Depois de muitas batalhas sangrentas, ele estava certo de que quando chegasse sua hora, ele seria levado para o Céu.
Sentia-se um homem novo, batizado no sangue dos sarracenos, mas seu triunfo duraria pouco. A hora de Covenant chegou durante o cerco de uma cidade estranha cujo nome ele nunca chegou a aprender. Caiu numa armadilha, montada por um traidor. Muitos homens bons da Cruzada caíram, e entre eles estava Lorde Covenant. Trespassado pelos guerreiros de Saladino, ele caiu na terra, e enquanto morria, permitiu-se um sorriso. Deu as boas vindas à morte com uma prece e preparou-se para ser levado para os Céus, como recompensa pelos muitos infiéis que havia matado em nome de Deus.
Covenant estava enganado.
Não havia salvação para os seus atos, ele foi mandado para o Inferno. Lorde lain Covenant foi entregue aos braços expectantes de Malebólgia. Eles tinham planos para ele, e ofereceram-lhe um pacto. Confuso e perdido, Covenant aceitou. Uma terrível maldição foi lançada sobre ele. Seu corpo foi reconstruído, à imagem de seu novo mestre, infundido com necroplasma e cuspido de novo na Terra.
Covenant era um soldado do Inferno. Ele era o Cavaleiro Negro, conhecido também como o Spawn da Era das Trevas.
Ao chegar na Terra ele estava confuso e furioso, mas o seu senso de justiça ainda prevalecia. O povo de Rhyll agora era governado pelo Barão Rivalen, cunhado de Covenant. Ele cobrava altíssimos impostos do povo já bastante castigado, e quem era encarregado disto era capitão de armas Guy DuBlanc. Em uma ocasião ele estava procurando quem tinha matado três homens em um cemitério (no momento do renascimento Covenant os matou) até chegar a um bar. Depois de ameaçar e matar um homem, Covenant desce do telhado estraçalha o belo e vaidoso DuBlanc, deixando-o completamente louco. Após isto Covenant parte para seu antigo castelo e encontra Cagliostro.
Cagliostro estava lá para ensinar Covenant como deve agir a partir de agora e também mostrar-lhe quem ele era, restaurando sua memória. Covenant então foge por causa da verdade, perguntando por quê Deus o tinha abandonado. Em outro lugar, o Barão Rivalen fez um pacto com as três irmãs de Morrigan, desconhecidas e estranhas mulheres possuidoras de magias. Em troca da vida de sua esposa que estava morrendo ele ajudaria a capturar um novo participante para seus jogos. Elas então entrega para Rivalen um grande elmo que daria poderes para quem o usasse e este o entregou para o desfigurado DuBlanc, que passou a ser conhecido com a Grande Besta e passou a cometer atos de crueldade por todo o vilarejo em busca de vingança contra o Cavaleiro Negro. 
Em um momento de sono Covenant é capturado pelas três irmãs, que extraem dele todos os seus segredos, seus momentos como humano e sua relação com Shiann, a Cruzada na Terra Santa. Covenant também descobre que quando ele deixou Shiann, ele não sabia que ela esperava um filho seu e que ambos morreram no parto. Quando ele não conseguia mais agüentar pediu por ajuda e conseguiu se teleportar para longe, para a presença de Cagliostro e decide então proteger Rhyll, revelando-se para seu povo aos gritos de “Viva, viva”.
Ele então, com seus guerreiros investem contra o exército de DuBlanc, que tinha a missão de matar todo o povo por ordem de Rivalen, que ficou louco depois da morte da esposa. A batalha foi sangrenta, mas Covenant sai vitorioso, porém após isto ele parte de Rhyll em busca de um sentido para sua nova vida, mesmo aos berros de Cagliostro para que ele ficasse.
Após a batalha, DuBlanc, a Grande Besta, estava humilhado e estava a todo custo se vingar pela derrota pelas mãos de Covenant. Seus passos o levaram para a França, onde havia pistas que Covenant estaria ali. Em outro ponto, um homem e sua mulher às portas de dar a luz estava caminhando por uma trilha quando são abordados por assaltantes, mas Covenant os salva e leva a ambos para um mosteiro próximo onde residia uma freira muito especial: Immaculata.
Immaculata era um anjo caçador, mas em um duelo contra um hellspawn que viveu em Tróia, matou várias pessoas e procurava uma forma de expiar seus pecados. Ela então se torna freira e aos poucos sua memória foi-se apagando, mas com a proximidade do hellspawn em seu refúgio, os pesadelos foram aumentando assim como sua memória e ela voltou a ser a poderosa anjo. Isto a levou para um cidade onde sentia a energia infernal do hellspawn, que estava lutando contra DuBlanc que finalmente o havia encontrado. Covenant não via sentido para aquela disputa e foge, deixando DuBlanc furioso. Vendo a figura aterradora na sua frente, Immaculata o confunde com o hellspawn e o ataca, mas logo depois percebe seu erro e as lembranças retornam da época em que ele errou da primeira vez.
Em seu castelo, Cogliostro explica que um anjo está caçando Covenant para matá-lo e o hellspawn acha isto bom, pois acabará com o seu sofrimento. Em uma colina ele avista o anjo e quando está pronto para se entregar à morte ambos percebem chamas ao longe. DuBlanc incendiou o mosteiro pensando que Covenant estaria lá e ambos partem para salvar seus ocupantes. O hellspawn corta o braço de DuBlanc e o ameaça que se ele estiver em seu caminho novamente o matará. Ele entra no mosteiro e salva a todos, menos a mulher e a criança recém-nascida. Mas Immacuta, agora em sua forma humana e arrependida de tentar matar alguém tão nobre, entra na casa e consegue salvar a criança. Logo depois é morta por Cogliostro.
Algum tempo depois voltando para a Grã Bretanha e vendo que sua presença causava riscos para as pessoas, não encontrando uma forma de se matar ou pelos menos acabar com a maldição, Covenant se acorrenta nas paredes do fundo uma caverna até ser encontrada pela jovem Maeve quarenta anos mais tarde.
Temendo uma guerra em casa contra a França, o rei John convoca vários homens para formarem um exército para proteger a coroa. Isto motivou vários homens do condado de Rackham para se apresentarem, entre eles Crispin, pai de uma menina de 14 anos chamada Maeve. Em outra parte ela tem visões de vários homens mortos, os homens de sua vila. Ela correu e encontrou dúzias de cadáveres, inclusive seu pai, beijando-o pela última vez. Ela percebe então que foi Deus que enviou as visões para ela e decide vingar a morte do seu pai e amigos e decide convocar todas as crianças da região para sua cruzada. Ela dizia que Deus iria protegê-la e que Ele forneceria um campeão para ajudá-la e foi algum tempo depois, com seu exército infantil, que ela encontrou a caverna onde estava Covenant. Ela explica a ele que há um grande mal à solta e que deveria vingar a morte de seu pai, e Covenant a ajudaria nisto comando um grande exército. Covenant fica perplexo com a quantidade de crianças que o esperava.
Covenant decide a contra gosto treinar os jovens guerreiros duvidando que Deus poderia ter falando com uma menina tão jovem. Algum tempo depois eles são abordados por homens enviados pelo rei John que ficou sabendo que Maeve poderia ser uma bruxa e capturado as crianças, mas Covenant decide atacar e a batalha tem início. Maeve, Covenant e as crianças saem vitoriosas, mas há baixas para o seu lado, levando-os para a realidade de que qualquer um pode morrer de verdade, não por bricandeira infantil. Percebendo que as crianças perderam sua inocência, Covenant decide partir e faz um apelo para que todos voltem para suas casas. Mas ao contrário do que todos pensavam, as crianças não foram embora e seu número foi triplicado, chegando às centenas, fazendo então com que Covenant permanecesse e os treinasse.
Algum tempo depois o Cavaleiro Negro percebe a presença de algo maligno e vê homens vestidos com pele de animais com intenções hostis. Mais uma batalha se inicia e o jovem exército sai vitorioso. Os estranhos homens remanescentes fogem e as crianças os perseguem até uma ravina. Do alto do monte eles vêem um pesadelo: centenas dos homens estavam a sua espera. Uma sangrenta luta se inicia e há várias baixas para ambos os lados, fazendo com Maeve não acreditasse que isto iria acontecer, mas não a fazendo desistir. Seguindo as pistas, Covenant descobre que quem está por trás do massacre da vila e também dos homens vestidos com peles de animais é seu antigo mentor Cogliostro. Ele explica que está farto do jogo entre o céu e o inferno e quer acabar com sua maldição, então ele deseja fazer um pacto com os deuses do Mundo Verde para viver além do Céu e do Inferno. Para isso ele oferece um sacrifício de sangue, matando as crianças em campo de batalha. É iniciada a luta final.
As forças de Covenant e o jovem exército de Maeve se encontram e há morte de ambos os lados até que tudo parecia já finalizado. Maeve, orgulhosamente, estava comemorando a vitória quando uma flecha transpassou seu coração causando sua morte. Covenant então, para vingar a sua morte, libera pela primeira vez o poder negro que repousava dentro dele e mata todos os seus agressores e jura vingança contra seu antigo mentor. Em outra parte Cagliostro tenta convocar os deuses do Mundo Verde em cobrança do sacrifício que efetuou, mas os deuses o ignora por o acharem sem valor. Após isto Cagliostro vai embora da Inglaterra.
Alguns anos mais tarde Covenant aceitou sua condição de Hellspawn e voltou para Rhyll. Lá chegando ele se tornou seu rei e seu guardião. Um ano após a maior batalha que ele travou em Rhyll, seus súditos o presentearam com um presente: um grande machado de guerra que pesava mais de meia tonelada. Enquanto ele seu povo comemorava, as trevas tomam conta de seu ser e ele cai desmaiado. Ao acordar ele vê corpos daqueles que estavam com ele por toda parte, completamente massacrados. Covenant não compreende o que aconteceu e procura por sobreviventes. Eles chegam do meio da floresta e começa a atacar seu líder, culpando-o pela morte de seus amigos e parentes. Covenant, completamente atônito, parte procurando por respostas. Ele vai em busca de Cagliostro para saber se o hellspawn foi culpado pelas mortes, e o ele explica que Covenant foi culpado, talvez não diretamente pelas mortes, mas por trazer desgraças para aqueles que se aproxima dele. Covenant então vai embora continuando sem saber o que aconteceu.
Caminhando sem destino ele vê o fantasma de sua antiga amada Shiann. Ela o leva até um círculo de pedra e se desfaz revelando um grupo de druidas, homens e mulheres de uma religião que cultuavam as forças da natureza. Eles eram liderados por um homem chamado Gareth que temendo pelo mal que havia dentro do hellspawn faz um encantamento junto com seus irmãos para roubar o necroplasma do corpo de Covenant. O necroplasma é trancafiado numa jaula feito de ossos. Gareth então vai embora deixando o hellspawn, agora sem o poder negro dentro dele e com uma sensação de que agora estava livre da maldição.
Em outro ponto um grupo de bárbaros encontra com Covenant pelo caminho. Eles ficam sabendo que algo matou os habitantes de Rhyll, além de espalhar morte pelas estradas. Covenant tenta enfrentá-los, mas como agora ele não possui o necroplama, é facilmente dominado por eles e deixado para morrer na estrada. Ele então retorna para Rhyll completamente ferido implorando por ajuda, mas tudo que consegue é o ódio de seus habitantes que o crucifica sobre um monte de madeira para ser queimado. Neste momento um garoto chamado Alek chega dizendo que encontraram outra pessoa mutilada. Todos correm para ver e Alek aproveita para solta Covenant, o único que acreditava em sua inocência. Os habitantes não compreendem como alguém pode ter morrido se Covenant estava amarrado até perceberem que ele não foi culpado pelo massacre, e sim algo que agora é chamado de Besta da Floresta. Os aldeões voltam para pedir perdão ao seu mestre, mas ele já tinha partido.
O Cavaleiro Negro procura por Cogliostro, que fica perplexo que o hellspawn agora estava sangrando vermelho, portanto era um humano com aparência de um ser do Inferno. Cogliostro então vai embora pois um humano não tem utilidade para ele, pois sua missão é encontrar e treinar hellspawns. Covenant não entende e agride Cogliostro, mas sem poderes é subjugado e deixado para trás.
Covenant então caminha pelas estradas da Grã Bretanha até encontrar um homem chamado Peter que o acolhe em sua casa. Covenant fica intrigado com o rosto deformado do fazendeiro, e este lhe diz que foi por culpa de um homem chamado Blakert que subjugou a cidade de Turnbold e a tornou numa cidade de assassinos e escravizou várias pessoas, entre elas a esposa de Peter. Covenant fica comovido com a história e se oferece para trazer a mulher de volta. Ele então vai para a cidade e consegue matar Blackert, logo depois procura pela esposa de Peter e a salva, mas logo depois é capturado pelos homens de Blackert e jogado em uma cela no subterrâneo. Mais tarde ele é interrogado por Marcellus, agora senhor de Turnbold, que o leva para uma sala de tortura. Covenant então percebe que a sala contém celas com vários homens mutilados que serviriam de comida para os ladrões. Ele fica horrorizado com a visão e quando começa a também ser mutilado percebe um rato em seu ombro e isto o faz lembrar das palavras de Cogliostro que dizia que as bestas da escuridão providenciariam forças para ele. Então ele come o rato fazendo com que os grilhões que o prendiam se arrebentassem.
Usando agora um poder temporário, ele põe medo em Marcellus e seu ajudante Leech. Covenant então, como punição, os obriga a devorarem um ao outro e quem sobrevivesse estaria livre. Marcellus sai vitorioso, mas Covenant estava a ponto de matá-lo quando prisioneiros imploraram para ficar ele para sofrer da forma que sofreram. Covenant então parte deixando Turnbold completamente em chamas.
Em suas andanças ele também encontrou o gigante Dumas que lhe ensinou várias coisas, como filosofia, física, literatura, alquimia e a arte da explosão usando pólvora. Depois de meses de estada com Dumas ele partiu assim que o gigante morreu, dizendo para ele abandonar sua vinda como Iain Covenant e assumir uma nova identidade: Spawn. Ele também encontrou um bispo Gaston Gui que estava morrendo e para se revigorar roubou o necroplasma que estava com o duida Gareth. O bispo injetou o poder negro em suas veias e se tornou uma monstruosidade. O druida, junto com a guerreira Raven, procuram pelo hellspawn para impedir que a cidade seja destruída pelo novo servo do Inferno. Mas antes eles passam por Rhyll e descobrem que a vila foi mais uma vez destruída por vikings e que Alek está em posse deles. Os três, juntos com alguns sobreviventes e também Peter, matam todos os saqueadores e resgatam Alek. Depois de começarem a reconstruição de Rhyll, o hellspawn e o duida, juntos com Cagliostro, que decidiu se unir a eles partem para a cidade do bispo Gui para retomar o necroplasma.
Lá chegando o trio vê a cidade completamente morta e são abordados pelo bispo, agora completamente transformado. A luta é ferrenha e o Cavaleiro Negro duela com o bispo enquando Gareth realiza o encantamento para aprisionar o necroplasma mais uma vez, porém algumas gotas foram respingadas em corpos mortos, criando um ser composto de carne e ossos. Gareth é morto e Spawn é engolido pelo monstro, mas o hellspawn absorve a energia negra dos ratos e vermes que ocupavam o estômago do monstro que explode. Covenant e Cogliostro partem levando o necroplasma para um local seguro. Spawn então enterra a gaiola contendo o necroplasma em um círculo de pedra e se despede de Cagliostro que espera pela chegada dos servos do Oitavo Círculo para reclamar sua alma, já que pensavam que ele tinha morrido devido ao desaparecimento do necroplasma. Ele retorna para Rhyll, mas um novo choque o esperava: todos os habitantes, com exceção de Alek e Raven, morreram por causa da Besta da Floresta. Neste momento surge Alek, que na verdade era o Vandalizador, um dos Irmãos Flebíacos, que tomou a forma do garoto quando ele morreu no primeiro massacre de Rhyll. Quando Spawn ia dar cabo do Vandalizador, surgem os outros quatro irmãos, liderados pelo Violador. Eles queimam e mutilam o corpo do Cavaleiro Negro e quando estava a ponto de morrer viu a alma de Shiann, que pedia para ele deixar-se morrer pois já que não possuía necroplasma os demônios não poderiam tomá-lo uma segunda vez. Quando o corpo de Spawn deixou de viver, sua alma e de sua amada Shiann voaram para a eternidade. Foi o fim da maldição e início da redenção do mais bravo e valoroso hellspawn que surgiu na face da Terra: Lorde Iain Covenant, o Cavaleiro Negro, Spawn da Era das Trevas.